UA-39063185-1 Trocando uma ideia: Deus em casa

"O problema não é você estar preso ,e sim o que você faz com a liberdade !!!"

Diga não ao bloqueio de blogs
"O problema não é você estar preso ,e sim o que você faz com a liberdade !!!"

Digite seu E-mail e receba as atualizações deste Blog

Você poderá gostar também de:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

quinta-feira, 6 de maio de 2010

Deus em casa

Hoje vemos como tratamos Deus em nosso meio.
Dentro do nosso lar como tratamos DEUS?
ELE reside ou é apenas um visitante?
Essa diferença de tratamento é importante porque mostra como realmente é nosso relacionamento com ELE, já que também somos conhecidos pelos nossos atos("Eis que estou para edificar uma casa ao nome do SENHOR meu Deus, para lhe consagrar, para queimar perante ele incenso aromático, e para a apresentação contínua do pão da proposição, para os holocaustos da manhã e da tarde, nos sábados e nas luas novas, e nas festividades do SENHOR nosso Deus; o que é obrigação perpétua de Israel."2CR 2:4).
Primeiramente analisaremos DEUS em nossa casa como visitante.
O visitante é aquele que não reside em nosso lar, mas que permitimos de vez em quando num curto tempo conviver conosco dentro de nossa casa. Ele não participa de nenhum outro momento a não ser o da conversa informal e descontraída por exemplo. Não participa do nosso dia-a-dia nas áreas da finança, afetiva, etc., tanto nos bons e maus momentos, pois é só visita. Só entra se permitimos até onde deixamos tipo aquela visita que não passa da sala; pode até usar o banheiro. Se entrar no quarto ou na cozinha é superficialmente.
Assim é o relacionamento com uma visita em nosso lar.
Assim tratamos DEUS.
Limitamos Ele em nosso lar. Ele nada pode fazer. Mesmo que apresentemos lá na igreja o nosso lado financeiro, afetivo, etc.
DEUS precisa ser parte da família.
Agora vamos analisar DEUS em nossa casa como sendo da família.
Este membro da família é aquele que reside em nosso lar, quem tem autonomia de estar sempre lá em todos os momentos participando ativamente em tudo que acontece ajudando a solucionar todos os problemas no dia-a-dia. Conhece tudo no lar. Esse é o DEUS ativo que faz a diferença( "E, quando chegou à casa, os cegos se aproximaram dele; e Jesus disse-lhes: Credes vós que eu possa fazer isto? Disseram-lhe eles: Sim, Senhor."MT 9:28).
Esse é o diferencial de como tratamos DEUS em nosso lar.
Temos um DEUS que nos visita e vai até onde nossa fé permite ou temos um DEUS que faz parte da família, que sofre, chora e sorrir conosco.
Minha pergunta é de qual tratamento você prefere ou tem dado a DEUS?
Lembrando que onde DEUS não habita o Diabo toma conta.
Para que DEUS possa fazer a sua boa e maravilhosa obra em nossas vidas ele precisa fazer parte dela por completo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

.

.

.

.