UA-39063185-1 Trocando uma ideia: Ditadura da liberdade

"O problema não é você estar preso ,e sim o que você faz com a liberdade !!!"

Diga não ao bloqueio de blogs
"O problema não é você estar preso ,e sim o que você faz com a liberdade !!!"

Digite seu E-mail e receba as atualizações deste Blog

Você poderá gostar também de:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

sexta-feira, 20 de setembro de 2013

Ditadura da liberdade

"Porque vós, irmãos, fostes chamados à liberdade. Não useis então da liberdade para dar ocasião à carne, mas servi-vos uns aos outros pelo amor."       Gálatas 5:13
Porque vós, irmãos, fostes chamados à liberdade. Não useis então da liberdade para dar ocasião à carne, mas servi-vos uns aos outros pelo amor.
Gálatas 5:13
Porque vós, irmãos, fostes chamados à liberdade. Não useis então da liberdade para dar ocasião à carne, mas servi-vos uns aos outros pelo amor.
Gálatas 5:13
Porque vós, irmãos, fostes chamados à liberdade. Não useis então da liberdade para dar ocasião à carne, mas servi-vos uns aos outros pelo amor.
Gálatas 5:13
Porque vós, irmãos, fostes chamados à liberdade. Não useis então da liberdade para dar ocasião à carne, mas servi-vos uns aos outros pelo amor.
Gálatas 5:13
Porque vós, irmãos, fostes chamados à liberdade. Não useis então da liberdade para dar ocasião à carne, mas servi-vos uns aos outros pelo amor.
Gálatas 5:13
Porque vós, irmãos, fostes chamados à liberdade. Não useis então da liberdade para dar ocasião à carne, mas servi-vos uns aos outros pelo amor.
Gálatas 5:13
Porque vós, irmãos, fostes chamados à liberdade. Não useis então da liberdade para dar ocasião à carne, mas servi-vos uns aos outros pelo amor.
Gálatas 5:13
Porque vós, irmãos, fostes chamados à liberdade. Não useis então da liberdade para dar ocasião à carne, mas servi-vos uns aos outros pelo amor.
Gálatas 5:13
Porque vós, irmãos, fostes chamados à liberdade. Não useis então da liberdade para dar ocasião à carne, mas servi-vos uns aos outros pelo amor.
Gálatas 5:13
Porque vós, irmãos, fostes chamados à liberdade. Não useis então da liberdade para dar ocasião à carne, mas servi-vos uns aos outros pelo amor.
Gálatas 5:13
Porque vós, irmãos, fostes chamados à liberdade. Não useis então da liberdade para dar ocasião à carne, mas servi-vos uns aos outros pelo amor.
Gálatas 5:13

A ditadura militar no Brasil foi o Regime autoritário que governou o país em 1964 a 1985. As Forças Armadas do Brasil derrubaram o governo do presidente constitucional João Goulart1 e terminou quando José Sarney assumiu o cargo de presidente. Conta a história que foram momentos difíceis para o povo brasileiro. A população viveu a era do "Não". Não pode isso. Não pode aquilo. Não pode desta forma,... simplesmente reinou o "Não".
Após a derrubada desta ditadura nos tornamos livres, democrático e firmamos os pés em "ditadura jamais".
Ditadura jamais?
Hoje, ano de 2013; podemos afirmar que ditadura jamais? O que mudou? O que conquistamos e o que perdemos?
Ficamos traumatizados a tal ponto que todo "não" que ouvimos encaramos como um ato ditador de quem nos nega algo, e como bons "revolucionários" que somos partimos pra briga.
Em bom tom gritamos: "Queremos nosso direitos!". Vamos as ruas, e inconsequentemente quebramos tudo, desde a patrimônios públicos a privados. Nos despimos e como se fosse uma peça teatral em praça pública nos masturbamos e transamos. Tudo porque nos disseram um "Não".
Essa é a "Ditadura da liberdade" que vivemos hoje.
Ela visa somente nossos direitos, sem se importar com os direitos do próximo. Perdemos a noção da importância do "Não", aquela mesma que temos quando falamos de educar uma criança, onde dizemos que criança tem que ter limite.
Corrijo isso agora.
Não é apenas crianças que tem que ter limites. O jovem, o adulto e o idoso. Todas as faixas etárias independente de tribo que pertença dentro da sociedade. Nossos direitos não podem passar por cima dos direitos do próximo.
Que direito tenho eu sendo gay (não sou, é apenas um exemplo sem expor quem já se expõe) de invadir um culto religioso sendo este culto dentro de uma igreja ou em lugar público?
Aqueles cristãos (e outros) também tem direitos, no caso o de não ser perturbado pelo que abomina.
A ditadura da liberdade nos diz que temos que impor as nossas regras, passando por cima das regras do próximo.
... esquecemos a importância e o poder do "Não". Esquecemos que nossos pais nos deram limites (na geração de hoje, vejo que esta educação não existe) e que precisamos dar limites a nossos filhos (como você vai ensinar se não aprendeu).
Precisamos sair em passeata em prol de nossos deveres. Exercitar a cidadania.
Essa ditadura da liberdade nos torna estupradores, onde violamos o próximo constitucionalmente e socialmente.
Conquistamos nossa liberdade e o que estamos fazendo com ela? Vamos continuar usando os corrúptos como desculpa para impor a nossa vontade: "Sou gay, hoje vou ao culto e vou beijar muiiiiitooooo !" "O governo está roubando o povo e não é punido, vou quebrar a cidade."
... o que pede nossa alma?
Eh,... chegou a hora de derrubar essa tal de "Ditadura da liberdade".
"O problema não é você estar preso e sim o que faz com a liberdade."
O Regime autoritário que governou o país em 1964 a 1985
Nossos direitos não podem passar por cima dos direitos do próximo.

Um comentário:

  1. Oi, Sérgio!
    O que essas meninas pensaram ao agir dessa forma? Não acho que tenha sido premeditado. Imagino que elas ao saber que o bispo ali estava, quiseram protestar por causa dos atos dele, que também não foram respeitosos com quem fez escolha sexual fora do padrão "normal". Mas elas não estavam em praça pública, elas entraram em um recinto que mesmo público tem normas de condutas. Qualquer recinto religioso que elas "protestassem" dessa forma, seriam banidas. Por isso, acho que não foi premeditado ou elas são burras demais!
    Não penso que o comportamento seja por causa da opressão que o país sofreu no passado. Semana passada, li em um jornal suíço que um juiz declarou inocente um homem que estava se masturbando perto da piscina em um clube. Na decisão, o juiz argumentou que aquilo não conferia ato sexual que envolvesse pessoas, então não haveria prejuízo de outros. Não sei até que ponto as pessoas querem parecer moderninhas, sei que isso no futuro custará aos nossos filhos muito mais que "traquejo social".
    Boa semana!!

    ResponderExcluir

.

.

.

.