UA-39063185-1 Trocando uma ideia: Erros que o pregador não deve cometer

"O problema não é você estar preso ,e sim o que você faz com a liberdade !!!"

Diga não ao bloqueio de blogs
"O problema não é você estar preso ,e sim o que você faz com a liberdade !!!"

Digite seu E-mail e receba as atualizações deste Blog

Você poderá gostar também de:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

quinta-feira, 24 de julho de 2014

Erros que o pregador não deve cometer

Para algumas pessoas é dada a oportunidade de pregar, mesmo não sendo um pastor ou pregador oficial. É natural ver este tipo de oportunidade dada a levitas, diáconos, obreiros,... E muitos cometem erros básicos, inclusive pastores "experientes".
Alguns não sabem ler a bíblia. Encontram muita dificuldade em pronunciar certas palavras escritas, o que comprova a falta de intimidade com a palavra e até mesmo desinteresse em melhorar o conhecimento com a língua do país de origem. Vícios de linguagem doem aos ouvidos de uma ovelha que chega a questionar que capacitação tem este que o quer conduzir.
Há outros erros primários que cometem que chegam a ser catastróficos a ponto de esvaziar uma igreja. Vi em um site umas dicas muito legais e como considero estes erros cometidos até mesmo por pastores e palestrantes, algo muito grave... vale corrigir estes erros.
Ter alguém que está começando como pregador errando até se entende, mas não quanto a intimidade com a palavra, pois se o abençoado já é ministro na casa de DEUS e exerce a obra seja como diácono, levita, missionário, evangelista,...isso é grave da mesma forma que um pastor "experiente" que ainda comete erros primários. A quem muito é dado, muito é cobrado.
Os erros abaixo apontado não são lei ou doutrina de igreja, mas sim dicas de bom senso e ética social/cristã, que já cita todo o contexto bíblico.
- Pregar sem ter um alvo ou objetivo a ser alcançado.

- Desistir de pregar porque não foi bem sucedido em ocasiões anteriores

- Viver sempre improvisando ou preparando sermões de ultima hora ou não, nunca meditar.

- Falar de um assunto que não está bem familiarizado ou começar em gênesis e de repente, já tá em apocalipse.

- Gritar exageradamente no microfone, lembrar que os irmãos tem 2 ouvidos. (Retificando que, o espírito santo age, conforme seja a sua personalidade, temperamento, mas, ter um pouquinho de controle é sempre bom como Ético.)

- Exagerar nas gesticulações, machucar a bíblia ou testar a resistência do Púlpito

- Pregar sempre os mesmos sermões,(versículos) nunca procurar algo novo.

- Pregar um sermão que ouviu de outro pregador e até mesmo distorcê-lo.

- Pregar sem ler a bíblia. (Motivos: não sabe ler ou tá sem enxergar ou acha-se uma máquina de recitação de versículos, a gloria é para Deus, não pra você).

- Pregar “muito” e orar pouco, exigir muito e não fazer nem um pouco

- Brincar excessivamente durante a pregação. Onde fica a moral?

- Usar o púlpito para desabafar, detonar “alguém”, criticar.

- Nunca receber críticas e nunca admitir que pode-se e precisa melhorar

- Não gostar de ler a (bíblia, bíblia, bíblia) A palavra é alimento Espiritual Mateus 4.4

- Pregar com fins lucrativos ou preocupado com venda de apostila, CD,DVD, livros e etc.

- Citar, durante a pregação, testemunhos que não se conhece a procedência ou incoerente com a realidade, vindo de outro “mundo”.

- Querer fazer de uma experiência pessoal, uma doutrina a todos.

- Só pregar sermões preparados por outra pessoa.

- Manipular o povo, conduzindo-os a um falso "mover do espírito"

- Não se Preocupar com o RELÓGIO e O TEMPO NÃO É SÓ SEU. O povo precisa também dormir.

 Estes são alguns erros importantes que precisam serem corrigidos. É importante se envolver com a palavra, ter conhecimento dela, como também ter conhecimento da língua de origem, saber ler e escrever corretamente, respeitando as pontuações para que não se distorça a palavra e livrar se dos vícios de linguagem.

Na casa de DEUS tudo precisa ser feito com excelência, ordem e bom senso.

"Ninguém despreze a tua mocidade; mas sê o exemplo dos fiéis, na palavra, no trato, no amor, no espírito, na fé, na pureza. Persiste em ler, exortar e ensinar, até que eu vá. Não desprezes o dom que há em ti, o qual te foi dado por profecia, com a imposição das mãos do presbitério. Medita estas coisas; ocupa-te nelas, para que o teu aproveitamento seja manifesto a todos. Tem cuidado de ti mesmo e da doutrina. Persevera nestas coisas; porque, fazendo isto, te salvarás, tanto a ti mesmo como aos que te ouvem." 1 Timóteo 4:12-16


Publicado também no Blog IERVidas

Nenhum comentário:

Postar um comentário

.

.

.

.