UA-39063185-1 Trocando uma ideia: Julho 2018

"O problema não é você estar preso ,e sim o que você faz com a liberdade !!!"

Diga não ao bloqueio de blogs
"O problema não é você estar preso ,e sim o que você faz com a liberdade !!!"

Digite seu E-mail e receba as atualizações deste Blog

Você poderá gostar também de:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

sexta-feira, 27 de julho de 2018

domingo, 22 de julho de 2018

Empoderamento felino

Para quem gosta de gatos, hoje eu deixo uma coleção de montagens dos meus bichanos.
#empoderamentofelino

























segunda-feira, 2 de julho de 2018

Pregador ou palestrante? Culto ou congresso? Igreja ou Empresa?

O evangelho é algo antigo, tão antigo que sua contagem se perde no tempo. A história da humanidade é descrita por esse evangelho. É o relacionamento do homem com Deus. Um Deus soberano e único. Com o passar das gerações o homem muda, Deus não. O que mudou do evangelho tradicional ao moderno?
O capitalismo entrou dentro da igreja. A modernidade foi a ferramenta essencial para tal fusão.
As editoras lucraram junto a seus escritores. As gravadoras também lucraram junto a seus artistas e rádios. E a Internet jogou um balde de água fria nisso tudo! As vendas despencaram!
Mas o capitalismo resiste.
A alguns anos atrás se queixavam sobre aqueles que cobravam para pregar o evangelho e louvar (cantar). Estava uma coisa meio que feia isso. As justificativas não estavam convencendo como antes.
A solução capitalista veio rápido. Passaram a se afirmar como palestrantes diplomados, por isso cobravam. Surgiu a nova moda, congresso! Certo que iam arrasar na internet com seus vídeos motivacionais.
Modelos empresariais tomaram os altares.
O perfil motivacional se encaixou no perfil caixinha de promessas. Uma pregação sem exortação e sem constrangimentos para manter a igreja cheia.
O evangelho mudou.
Não são pregadores, são palestrantes. Por isso cobram.
Não são cultos ao Deus altíssimo, são congressos com ingressos a venda.
Não é uma igreja, é uma empresa com palestrantes motivacionais diplomados que cobram cachê.
Sim, o capitalismo tomou conta.
Se sua congregação não tiver dinheiro para pagar o valor cobrado, então não haverá um evangelho a ser anunciado, não por estes, e nem "louvor" ao Deus verdadeiro.
Eu em particular no meu ministério nunca removi um centavo da igreja para pregar, dar aula de EBD, dirigir louvor,... Sempre trabalhei e até desempregado Deus não deixou faltar. Criei três filhos assim!
Não consigo aceitar que se cobre para anunciar o evangelho!
A grande verdade é que estes não estão enganando ninguém, eles se anunciam publicamente que são palestrantes formados, o anúncio é bem claro, é congresso e não culto. Sim, se ilude quem quer...